Natação

Aprender brincando…

17.jpg

Trabalhando a lateralidade, socialização, percepção, espaço temporal e impulso brincando.

Nos dias atuais vivemos uma rotina atribulada de atividades estressantes, deveres e obrigações que nem percebemos que estamos colocando nossos filhos nesta mesma loucura, ocupando as crianças com tantas atividades que esquecemos que nossas crianças precisam ser crianças.

Na faixa etária de 4 a 6 anos temos o brincar como principal fonte de aprendizado. Neste período da infância, as crianças fantasiam muito, criam personagens e amigos imaginários, em suas brincadeiras percebe-se muita imitação dos afazeres diários, como cuidar de um bebê, dirigir um carro, cozinhar etc.

A natação lúdica (ou seja divertida) procura estimular e explorar ao máximo este mundo encantado do imaginário infantil. Minha proposta é oferecer um ambiente agradável e feliz, proporcionando-lhes independência com o máximo de segurança possível.

As aulas lúdicas baseiam-se no ”aprender brincando”, ou seja, as tarefas permitem que expressem suas emoções sem preconceitos ou limitações. Por meio de músicas, estórias e brincadeiras dirigidas, elas se sentem a vontade para explorar o espaço aquático. Ao invés de aulas técnicas, robotizadas e repetitivas, procuro trazer a magia, um personagem para cada atividade, desta maneira, a rotação de braços vira um avião pousando na pista, uma saída submersa da borda se transforma em esconder do tubarão… Sendo assim, as crianças aprendem brincando, se divertem, estão nadando com os peixinhos.

Numa simples brincadeira como: ”Bracinho pro lado, cabeça pro lado… e tibum!” (mostro no vídeo abaixo)

Consigo trabalhar elementos como impulsão, percepção espaço temporal, lateralidade, equilíbrio, agilidade e coordenação motora.

Deixe uma resposta